Mulher e piada

Citizen Journalism, Estilo de Vida

Aí sua filha querida vira e fala..

– Deixei o “namorido”.

– Ah, o que houve?

– Nada, não dava mais… muitas brigas… bla bla bla

– E agora, como você está?

E ela responde, me manda esta música:

Calma! Ela só quer causar. E causou, rachei de rir.

Fiquei a pensar na picardia da música e como ainda sou machista, a maioria das vezes sem me dar conta. Aprendo muito com essa menina…

A música seguinte simplesmente soa engraçada

Bobeou a gente Pimba tem tanta picardia quanto Cartomante, mas é mais ceita nos ouvidos, afinal são homens cantando, parece tudo mais certo, não é?

O fato é que a primeira música usa apenas um cacófato sugestivo que apela a malícia que existe em nós. A segunda diferente disto é totalmente explicita.

A ideia aqui é mostrar que toda vez que algo nos incomoda assim precisamos parar e pensar o porquê. Só assim racismo, preconceito e machismo podem ser minorados em nós.

O foto:

Mulher pode contar piada e fazer trocadilhos, palavra de mulher é igual a de homem e tem tanto valor quanto.

Leave a comment

Search

Back to Top