Estradas e política

Uncategorized

Todos os dias milhares de pessoas e cargas transitam pelo nosso sistema viário. Os pedágios faturam alto, mas pelo menos no sistema Anhanguera-Bandeirantes estamos vendo algumas melhorias sendo feitas e a manutenção destas estradas é, no geral, boa.  

A pouco tempo conversando com Fernando Magri um colega de trabalho ele me disse uma coisa que me deixou primeiro perplexo depois intrigado. “O pedágio, independente da questão do preço é justo.” Como assim?! “É. Paga quem usa a estrada, quem está trafegando. Injusto é o imposto para conservação das estradas que todo mundo paga use ou não use a estrada.” 

Em época de eleição surgem muitos demagogos prometendo rever ou diminuir o valor dos pedágios, etc, etc… já conhecemos a ladainha. Rever os pesados impostos que pagamos isso ninguém se propõem ou faz. Fique de olho no seu parlamentar! Essa é uma prática que precisamos desenvolver o quanto antes.

Recentemente vimos pelos principais telejornais e revistas quão caros são os nossos parlamentares, quão rápidos eles são para aprender a se beneficiar da máquina. “Tiririca paga resort com dinheiro público”, foi a manchete. Foram só R$ 660 de hospedagem e R$ 311 de alimentação, mas o principio é o que importa.   

Existe na internet uma série de sites para você poder acompanhar o trabalho dos parlamentares em todos os níveis. O pessoal da classe média em geral ficou horrorizado com a eleição do palhaço Tiririca. Ouvi muita gente chamando de burro quem nele votou. Mas esse mesmo pessoal (que se acha) não fiscaliza seus parlamentares, por isso não são mais inteligentes que os outros.

 A questão não é falta de inteligência, é cultural. Olha a gente não faz nada, ouve as notícias e dá de ombros por que se sente fraco, não quer ir as ruas protestar. Tem que defender o pão, é cada um pra si… é ou não é? Do dia pra noite não vamos virar militantes, não vai acontecer. E é contando com isso que os partidos e os políticos fazem seu jogo.

Como mudar isso? Em espanhol tem a expressão “ir despacito” significa ir aos poucos, devagar. Recorro ao espanhol por que falando em protestar nada melhor que lembrar dos panelaços dos Argentinos, não é. Bom, não somos Argentinos. Temos outro jeito de ser. Então, que tal, para não ficarmos simplesmente conformados vamos começar devagar?

Minha sugestão é entrarmos e conhecermos alguns desses sites e começarmos a seguir em pequenos grupos algum ou alguns dos nossos digníssimos representantes. Não creio que adiante você querer que toda sua lista do FB, Orkut, MSN acompanhe sua resolução. Mas um pequeno grupo de amigos é diferente. Assim em algumas ações já ter um certo quórum para, por exemplo, uma carta com várias assinatura ao algo assim.

Sites Interessantes:
Adote um municipio (idéia interessante)
Orçamento
Seu Deputado (escolha qualquer um)
Projetos de Lei
Seu Senador (eleja um agora)
Atividades e projetos dos Senadores
Controladoria Geral da União (aqui dá para fazer denúncias)

 

Vem aí um mundaréu de obras. Obras para a Copa, para a Olimpíada, muitas de infra-estrutura que já são necessárias agora, por exemplo: a expansão dos aeroportos, dos portos – é uma loucura. Podemos, no conforto de nossos lares, conectados uma ou duas vezes  por semana, fiscalizar.

É um caminho, uma estrada cujo pedágio você já paga, é a sua conexão. É uma ação pequena, mas que pode render grandes resultados, vamos tentar? Fale com seus amigos! Pode ser inclusive divertido.

2 Comments

  1. curso de confeitaria 11/05/2021 at 05:21

    Great article, I liked it very much congratulations. 667289809 8010023

Leave a comment

Back to Top