Abraham Lincoln Escreveu

Blogroll, Estilo de Vida

Valeu prima!

marioandrade

Mário de Andrade

Mas veja, sempre que recebo material deste tipo via Internet vou conferir, “google it”. Vou lá e vejo se realmente a informação e a autoria são verídicas. No caso a carta não é de Lincoln. Mas muita coisa boa e bonita de ser dita é atribuída a grandes personalidades históricas com ao presidente Americano aqui.

Entretanto as ideias são sim boas e vale a pena passar a diante.
(Na verdade, cá para nós, “acredito” que a carta foi escrita por Mário de Andrade ao professor filho que nunca teve – foi, foi logo depois que terminou de escrever Macunaíma.   🙂  Google it!)

.

CARTA DE ABRAHAM LINCOLN PARA O PROFESSOR DE SEU FILHO.

ABRAHAM LINCOLN

“Caro professor, ele terá de aprender que nem todos os homens são justos, nem todos são verdadeiros, mas por favor diga-lhe que, para cada vilão há um herói, para cada egoísta, há um líder dedicado.
Ensine-o, por favor, que para cada inimigo haverá também um amigo,

Ensine-o que mais vale uma moeda ganha que uma moeda encontrada. muna
Ensine-o a perder, mas também a saber gozar da vitória,

Afaste-o da inveja e dê-lhe a conhecer a alegria profunda do sorriso silencioso.
Faça-o maravilhar-se com os livros, mas deixe-o também perder-se com os pássaros no céu, as flores no campo, os montes e os vales.

Nas brincadeiras com os amigos, explique-lhe que a derrota honrosa vale mais que a vitória vergonhosa,

Ensine-o a acreditar em si, mesmo se sozinho contra todos.

Ensine-o a ser gentil com os gentis e duro com os duros, Itani

Ensine-o a nunca entrar no comboio simplesmente porque os outros também entraram.

Ensine-o a ouvir todos, mas, na hora da verdade, a decidir sozinho.

Ensine-o a rir quando estiver triste e explique-lhe que por vezes os homens também choram.

Ensine-o a ignorar as multidões que reclamam sangue e a lutar só contra todos, se ele achar que tem razão.

Trate-o bem, mas não o mime, pois só o teste do fogo faz o verdadeiro aço.

Deixe-o ter a coragem de ser impaciente e a paciência de ser corajoso.

Transmita-lhe uma fé sublime no Criador e fé também em si, pois só assim poderá ter fé nos homens.

Eu sei que estou a pedir muito, mas veja o que pode fazer, caro professor.“

Leave a comment

Search

Back to Top